26 novembro 2008

Síndroma do Cólon Irritável

Muitos anos após a minha morte, quando as minhas teorias verdadeiramente visionárias forem reconhecidas por serem verdadeiramente visionárias (e também pela pela sapiência e antevisão que proporcionaram), este blogue será exaustivamente escrutinado pelos detractores das minhas teses verdadeiramente visionárias em busca dos velhos e típicos erros e contradições, raciocínios com fragilidades lógicas, ou os conhecidos indícios de pacto com o demo...

Especialmente para vocês, meus esperançosos detractores (e por inspiração do grande Descartes - alguém se lembra das ideias com que ele convenceu os seus contemporâneos sobre a circulação sanguínea!?... ahahaha!) que me lêem eivados desse espírito de "criticismo científico" deixo aqui a minha teoria sobre o SCI.

Nada de falta de serotonina instestinal, como dizem por aí uns médicos e empresas farmacêuticas germano-americanas. Mas os instestinos também apanham modas depressivas?!... Nada disso, ou pelo menos, não essencialmente isso (admito dividir os louros com 2 ou 3 desses casos...). Trata-se de uma questão alérgica, provocada por renites, sinusites e parecidites. A inflamação das mucosas respiratórias enche os canais digestivos de muco microbiano e bacteriano que desce até ao intestino. O resto é a confusão que se sabe.

Notem, desde já, a perfeição desta teoria: por um lado, é baseada e duramente fundada neste único texto. O que desde logo a torna inexpugnável a qualquer tipo de invalidação de pressupostos. Por outro, ao pretender explicar parte de um Síndroma (i.e., conjunto de sintomas de causa desconhecida, ou até de múltiplas causas desconhecidas) permitirá sempre uma retirada estratégica, pois ainda que um dia se comprove a causa de 99% dos SCI, haverá sempre 1% explicável por esta minha tese.


Em breve voltarei ao tema, com argumentos sobre porque o chocolate faz bem ao SCI e às dores de garganta (porque, tal como o mel, adoça a língua!).

6 comentários:

alguém+ neste mar de gente, disse...

eu... estou deveras preocupada com a tua sanidade mental! sem ter assimilado o título do post, levei até ao fim a pensar: "mas porque raio SCI??" (série crime under investigation). enfim... :)

susana disse...

Caríssimo: este texto, de tão elevado nível científico, deveria ser enviado directamente para a Nature, é crime ficar num Blog!Aqui temos um verdadeiro tratado sobre um verdadeiro estudo de caso, que até tem solução fácil: deixar de respirar. É que, afinal, micróbios e bactérias descem vias respiratórias abaixo e só fazem maldades, certoSS? Faz como o meu estudante, respira só debaixo de água. O cloro mata os micróbios.
Ahaha!
ProntoSS, já puseste uma mulher do Norte a rir hoje.

Nani disse...

Ainda bem que passei por aqui... as coisas que eu andava a pensar sobre o SCI. Obrigado! ;)

nando disse...

Alguém+Neste Mar de Gente:... CSI? Também conhecido por Complemento Solidário para Idosos?... lol. É. Ouvi dizer que anda a partir a cabeça a muita gente... ;-)

Su: como é que é!? Eu disse detractores muitos anos após a minha morte! Essa candidatura é muito precoce!!! (Além disso eu falei em muco nhanhento! Tem de haver uma condição alérgica ou similar: renites, sinusites, ou parecidites!!! Repara que aqui é apenas pura especulação, mas... suponha que a nhanhice do muco proteja os micro e as bactas das defesas humanas!) Não, não... não me apanham assim!!!
:P

Nani: :-) Não te deixes levar por propaganda médico-científica. A verdade é apenas ego-empírica! :-)

susana disse...

Nandinho, nada de medos! Manda para a Nature já!

nando disse...

Su: Quais medos!? A isto chama-se exclusividade: os meus leitores acima dos leitores da Nature (estás a sentir o formigueiro?)
Tu é que podias contribuir para a minha tese: visto que a gentes aguadas não costumam ter alergias, também não podem ter SCI's! Mas olha que tem de ser água iodada, clorada não serve! E já sabes, caso encontres excepções (por muitas que sejam), apenas comprovam a regra!!! Força!
;-)